5 tendências no mercado de PABX

Tempo de leitura: 2 minutos

A primeira e a maior tendência dos últimos anos é o uso de software livre, no nosso caso o uso da plataforma Asterisk. Por ser um software livre, o custo final da implantação do Asterisk em comparação com PABX de marca proprietária, é menor. Em alguns casos esse valor chega a ser 1/5 de um projeto de PABX comum. Além de funcionar como uma central telefônica comum, o Asterisk permite configurações personalizadas que irão trazer muito mais agilidade e otimização da sua equipe de trabalho.

A segunda tendência é o uso do VoIP como entrada e saída de ligações, algumas operadoras como Sercomtel, Embratel e VIVO já fornecem troncos IP para sua empresa, sem contar inúmeras outras empresas que fornecem números virtuais e pacotes de voz mais atrativos. E não se preocupe com a qualidade de voz, essas empresas evoluíram e aprenderam muito com o mercado, algumas tem uma qualidade muito superior que operadoras tradicionais. Usar um tronco Voip vai trazer uma grande economia para sua empresa, além do minuto ser mais barato, não é necessário placa para converter o sinal (não é necessário a instalação de uma placa E1 no seu PABX), o que deixa o seu sistema mais econômico em relação ao tronco digital E1 por exemplo.

A terceira tendência é o uso de ramais IP’s, são mais econômicos do que montar uma rede só para voz, você pode usar um ramal no seu próprio computador, ou compartilhar o cabo de rede de seu computador com um aparelho IP, economiza na estrutura, pois não vai precisar ficar passando cabos para ligar o seu ramal. Além disso, é possível ter um ramal no seu celular, e onde houver internet de qualidade, você terá um ramal.

A quarta tendência são relatórios, perguntas como: Quantas ligações eu recebo por dia? Quantas ligações minha equipe de vendas faz? Quem está ligando para a minha empresa e não é atendido? O que meus colaboradores estão falando para meus clientes? Meu telemarketing está cumprindo a meta diária de ligações? O meu suporte consegue atender a demanda? Saber responder essas perguntas e outras é essencial para entender como sua empresa funciona, e como você deve trabalhar para melhorar o atendimento ao cliente ou para aumentar suas vendas.

A quinta tendência é o autoatendimento, uma grande parcela dos call center’s já utilizam essa ferramenta, além de agilizar o atendimento, é possível executar tarefas triviais como confirmações de dados, direcionamento de chamadas para o setor correto, ligações automáticas para seus clientes, cobranças automáticas e confirmação de agenda.

Essas são as principais tendências para o mercado de telecomunicações, a IPCOM está preparada para implementar todas elas em seus negócios, se você quer saber mais, é só clicar AQUI.

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*